Home Presidente da Cooper A1 avalia ano de 2021

Presidente da Cooper A1 avalia ano de 2021

Foto: Evandro Maraschin / Rádio Porto Feliz – Atualmente a Cooper A1 tem mais de 9.500 associados atuando

O presidente da Cooper A1, Elio Casarin, fez uma avaliação
do ano de 2021 para a instituição cooperativista e para o agronegócio
catarinense.

Em entrevista concedida a Rádio Porto Feliz, ele destacou
que o ano teve muitas instabilidades em virtude da pandemia do coronavírus e da
ocorrência de frequentes estiagens na região.

O cooperativista disse que apesar das incertezas e
dificuldades enfrentadas no decorrer do ano passado, o agronegócio apresentou
crescimento e foi o ‘carro chefe’ da economia brasileira.

Ele afirmou que o setor de carnes está passando por algumas
dificuldades momentâneas devido à redução na exportação e a alta dos insumos.

Citou a importância da união de esforços entre as
agroindústrias e os produtores rurais, para o fortalecimento do setor.

Casarin também falou sobre as consequências da invasão Russa
na Ucrânia, o que já está gerando instabilidade na economia mundial.

Frisou que como o Brasil importa os fertilizantes da Rússia,
essa compra pode sofrer algum tipo de atraso, ou mesmo ter dificuldade de
acontecer.

O presidente da Cooper A1 afirmou ainda que os agricultores
devem ficar atentos e acompanhar a situação do mercado para fazer suas compras,
vendas e demais investimentos.

Atualmente a Cooper A1 tem mais de 9.500 associados atuando
em municípios do Oeste e Extremo-Oeste de Santa Catarina, além do noroeste do
Rio Grande do Sul.

deixe seu comentário