Home As preocupações da vida

As preocupações da vida

Quando a gente conversa com pessoas, quase nunca se encontra
pessoas interiormente satisfeitas e relaxadas. Muitas se sentem sobrecarregadas
de preocupações acerca do futuro. A palavra preocupação pode ter o significado
de apreensão junto com sentimento de aflição, como se estivesse doente. Quem
tem muitas preocupações, geralmente apresentam o rosto perturbado e rugas na
testa. As preocupações são pensamento que vão nos torturando e quase sempre vêm
acompanhadas de medo. Quando uma pessoa sofre algum contratempo, dizemos, por
exemplo: ela está muito preocupada, preocupada com o filho que não fez o exame,
não dá conta de cuidar de seus afazeres. As preocupações nos roubam o sossego,
não nos deixam dormir em paz.

Um filósofo chamado Martin Heidegger diz assim: o homem é
essencialmente preocupado com a existência. Na compreensão dele, a vida é
preocupação. Um outro significado de preocupação é também esforço de alguém
para prestar ajuda. Preocupo-me, por exemplo, para que não mais ocorram mais
panes, para que as coisas andem melhor, com a família, com o trabalho, enfim,
são vários níveis de preocupações.

No evangelho, Jesus nos convida a estarmos despreocupados.
Esse é o convite de Jesus: “Não vos preocupeis por vossa vida, com o que
havereis de comer, nem com vosso corpo, com o que havereis de vestir”. Como
compreender essa palavra de Jesus? Ele nos lembra dos pássaros do céu, que não
se preocupam com o que precisam para viver e apesar disso são alimentados por
Deus. Ele nos lembra dos lírios do campo que não trabalham nem fiam e, no
entanto, são vestidos maravilhosamente por Deus. Tem uma canção que diz assim:
“Olhem os lírios do campo, vejam como eles se vestem, nem Salomão que era rei,
nem Salomão se vestia tão bem, se o nosso Deus veste os lírios, e alimenta o
cantor pra não perder a voz, muito mais vai fazer por seus filhos, nosso Deus
não se esquece de nós, nosso Deus não se esquece de nós…” Pensemos nisso
hoje. Nas nossas preocupações e o convite de Jesus para não nos preocuparmos!

deixe seu comentário