Home Alesc realiza Sessão Solene aos 100 anos de colonização de Mondaí

Alesc realiza Sessão Solene aos 100 anos de colonização de Mondaí

Foto: Marilia Moróstica – O evento aconteceu no Grêmio Cultural Ipanema e contou com a presença de lideranças políticas, empresários, entidades, homenageados e população em geral

Na noite da última sexta-feira (13), a Assembleia
Legislativa de Santa Catarina, realizou uma Sessão Solene para homenagear os
100 anos de colonização do município de Mondaí. O evento aconteceu no Grêmio
Cultural Ipanema e contou com a presença de lideranças políticas, empresários,
entidades, homenageados e população em geral.

Foi exibido um vídeo inicial narrando um pouco da história
do município, que teve seu marco oficial da colonização do extremo oeste de
Santa Catarina em 20 de maio de 1922. Nesse dia, Hermann Faulhaber, na
qualidade de diretor da Empresa Chapecó-Peperi Ltda, pisou nas terras da nova
colônia para determinar o local de sua sede, sendo assim dava início a Porto
Feliz hoje, Mondaí. Formada por pioneiros alemães, italianos e romenos.

Na solenidade, foram homenageadas as pessoas que fizeram
parte da história do município e entidades que são importantes até hoje para o
desenvolvimento e progresso de Mondaí.

Segundo o deputado Altair Silva (PP), o proponente da Sessão
Solene, declarou que o empenho que os imigrantes tiveram a 100 anos atrás, a
base de facão, foice e enxada valeu a pena, pois hoje, Mondaí exporta para o
mundo. “Uma indústria têxtil e moveleira que produz para o mundo, uma
agricultura forte, um associativismo forte, um empreendedorismo forte, um
cooperativismo forte e nossa gente vive o pleno emprego”, argumentou o
deputado.  

De acordo com o Prefeito Municipal Valdir Rubert, foi um
momento de reflexão para recordar e agradecer, honrar e parabenizar as famílias
e entidades pioneiras que foram importantes para o desenvolvimento do município
e agradeceu a Assembleia Legislativa pela honra de receber a Sessão Solene. “E
é essa gente e entidades que queremos enaltecer e homenagear no dia de hoje.
Gente que faz, que fez e que está sempre fazendo por Mondaí. É uma honra
receber essa homenagem ao nosso município pela Assembleia Legislativa. Parabéns
povo mondaiense!”, finalizou Rubert.

E por fim, a Secretária Municipal de Educação e Cultura e
também coordenadora da programação dos 100 anos do Município de Mondaí, Sandra
Regina Callai Schuh esclarece que as entidades homenageadas foram as que a mais
tempo atuam na comunidade de Mondaí, bem como as famílias e descendentes foram
os mais longevos octogenários, das primeiras famílias que aqui chegaram.
“Muitos mereceriam ser homenageados, mas o protocolo da Assembleia Legislativa
era restrito a este número de pessoas, seguindo o que diz o seu regimento”,
destacou Sandra.

 

HOMENAGEADOS

Poder Executivo municipal, representado pelo prefeito,
Valdir Rubert;

Valdir Rubert, prefeito de Mondaí;

Alzir Slaviero, vice-prefeito de Mondaí;

Câmara Municipal de Vereadores de Mondaí, representada pelo
seu presidente, vereador Roberto Bernardy;

Escola de Educação Básica Delminda Silveira, representada
pelo diretor, Marcos André Rech;

Associação Comercial e Industrial de Mondaí, representada pelo
seu presidente, Adair Bruch;

Reinoldo Toebe, prefeito de Mondaí entre 1969 e 1970;

Hugo Marquardt, vereador de Mondaí entre 1958 a 1962;

Sigfried Bruggemann, pessoa mais idosa nascida em Mondaí;

Lydia Balmer Lehrbach;

Associação Hospitalar de Mondaí, representada pelo seu
presidente, Paulinho Stecker;

Lions Clube de Mondaí, representado pela sua presidente,
Silvania Junkes;

Coral 25 de Julho, representado pelo seu presidente, Adair
Antônio Mallmann;

Grupo Escoteiro Yacumã, representado pelo seu presidente,
Jackes Leandro Zundel;

Rádio Porto Feliz, representada pela sua diretora geral,
Erica Knorr;

Grêmio Cultural Ipanema, representado pelo seu presidente,
Edison Reinki;

Edi Wiland Bader;

Erna Wolschick;

Gisela Dreger;

Ilga Olinda Kern;

Ilsa Blanck Foschesatto;

Ilse Elisabeth Koelln, representada por seu filho, Bernd
Eckark Koelln;

Ira Kich;

Norberto Bock;

Renate Lydia Averbeck.

deixe seu comentário